Ciclo MenstrualCiclo Menstrual é o nome dado ao processo hormonal feminino, responsável pela emissão de um óvulo pelo ovário para uma possível fecundação. Esse período vai do primeiro dia de uma menstruação ao primeiro dia da seguinte. Durando de 28 a 30 dias, variando entre ciclos maiores, menores e irregulares, o ciclo menstrual é característico do aparelho reprodutor feminino.

Na puberdade, com a série de mudanças físicas e mentais na menina, ocorre o surgimento da menarca, isto é, a 1ª menstruação. Ela ocorre por volta dos doze anos de idade e é definida por períodos irregulares, com quantidade e duração de fluxo variando de ciclo para ciclo. Nessa fase, são comuns intervalos de quatro, cinco ou seis meses.

O ciclo menstrual, basicamente, ocorre da seguinte maneira:

  • Ovulação;
  • Possível fecundação;
  • Descamação do endométrio (membrana que reveste a cavidade do útero) quando não ocorre fecundação e eliminação do óvulo através da menstruação.

Essas etapas se repetem todo mês, dando início a um novo período fértil. Costuma-se dizer que entre o 10º e o 18º dia de um ciclo regular de 28 dias, a mulher se encontra fértil, sendo provável a ovulação e a manutenção do óvulo por algum tempo nessa fase.

Contudo, pode acontecer uma variação do dia da ovulação, determinada por alguns fatores como estímulos ambientais, emocionais, atividade sexual, alimentação e saúde corporal, podendo ocorrer a modificação de previsão dos dias férteis e da probabilidade de uma fecundação.

Outras questões importantíssimas a serem abordadas são as alterações no ciclo, principalmente as decorrentes de alguma doença, a menopausa e os cuidados necessários com a higiene para manter uma vida saudável durante os dias de menstruação.

Os óvulos são fabricados quando a menina ainda está na barriga da mãe e ela nasce com aproximadamente 450 mil óvulos nos ovários. Justamente por isso, a mulher fica menos fértil quando está em idade avançada.

O que acontece quando o óvulo é fertilizado? Ele continua a descer para chegar ao útero e lá ele fica no endométrio para a nidação. O caminho feito pelo ovário pode demorar 5 dias. Quando ele não é fertilizado, passa a se desintegrar, reduzindo os níveis de progesterona e estrogênio. Esse processo também gera a produção de prostaglandina, que causa o rompimento do endométrio e a contração do útero para expulsá-lo (as cólicas menstruais). Quando a menstruação desce, são eliminados o óvulo juntamente com o revestimento uterino.